Dicas para fazer um catálogo impresso perfeito

31 de maio de 2022

Um catálogo impresso é uma ferramenta potente e com um grande poder de persuasão e venda, por isso é preciso ver essa peça gráfica como um investimento. É preciso olhar para esse tipo de material gráfico com bastante atenção, tomar alguns cuidados na hora de elaborar e pensar minuciosamente nas estratégias.

Existem alguns passos essenciais que você deve seguir e que fará toda a diferença no resultado final. Neste artigo organizamos as etapas desde a elaboração do catálogo até a sua versão impressa, então continue até o final e tenha o planejamento perfeito deste material tão efetivo que é o catálogo impresso.

A função do catálogo impresso

O que vem à mente quando pensamos em um catálogo? A resposta principal é: uma ferramenta de vendas e captação de clientes. É claro que ele pode exercer outras funções dependendo da abordagem que a empresa adota, mas acima de tudo ele é um material estratégico.

Por isso, estrategicamente ele precisa ser pensado com base no olhar do cliente. Em primeiro lugar precisa ser atrativo, exalar cuidado e capricho, para que o impacto com o potencial cliente seja positivo.

Portanto, não podemos apenas pensar em encher as páginas com produtos aleatórios. O catálogo impresso precisa contar uma história, ser esteticamente atraente além de conter informações primordiais para a compra.

1. Insira o que você tem de melhor

Como dito anteriormente o catálogo impresso é um investimento, então não podemos colocar qualquer coisa de qualquer jeito nas páginas. O catálogo é um apanhado, uma seleção do que sua marca tem de melhor.

Precisamos colocar os melhores produtos e torná-los atrativos. Não basta colocar a imagem sem um planejamento prévio, é necessário um planejamento, usar um storytelling e mostrar que o catálogo faz sentido.

O ideal é separar por seções e organizar a partir delas todos os produtos de uma coleção ou temporada. Com seções organizadas você pode expor desde os produtos mais simples até os mais sofisticados.

2. O layout é o que causa uma boa impressão

Após selecionar o que sua marca tem de melhor é hora de pensar na “cara” que você quer dar para o catálogo. Um bom layout vai ser responsável por despertar a curiosidade do seu possível cliente.

Você pode trabalhar com temas específicos, criar moods e narrativas para as suas campanhas. Uma técnica super efetiva para desenvolver a criatividade é o moodboard que já falamos dele por aqui, você ainda pode utilizar o storytelling, contar uma história através de imagens e recursos visuais.

Sendo assim, busque agências e profissionais qualificados que possam te auxiliar na criação dessa peça gráfica.

3. Revise quantas vezes for necessário

Quando falamos de um catálogo impresso estamos falando de um material que precisou de investimento, portanto ter cuidado com erros triviais pode ser um imenso desperdício de tempo e dinheiro.

Revise todos os textos e títulos. Tenha total certeza de que as informações estejam corretas e que condiz realmente com o produto demonstrado. Na parte gráfica garanta que as imagens estejam em boa qualidade, que o arquivo todo tenha sido criado em CMYK, que todas as fontes estejam transformadas em curvas. Além disso, revise os arquivos feitos para os acabamentos como hotstamping e verniz.

Use o tempo que for necessário para que o catálogo esteja 100% perfeito para a impressão.

4. Você precisa de uma impressão impecável

Vamos dizer que você seguiu todas as dicas acima e tudo está perfeito, o próximo passo é a impressão. É nesta etapa que tudo o que você trabalhou até o momento se torna físico e palpável. Por isso é necessário escolher uma boa gráfica, com a tecnologia para tirar qualquer projeto do papel.

Aqui em nossa gráfica, por exemplo, temos mais de 27 anos de experiência no mercado gráfico. Contamos com diversas máquinas de acabamentos e ainda oferecemos o serviço de prova física e prova de cor, tudo para garantir que o impresso seja o mais fiel possível da ideia original.

Aproveite e leia mais – Maior tiragem com maior economia – Impressos

5. Capriche na entrega

Dica final. A entrega precisa ser impecável! Caso você opte por campanhas temáticas, é legal criar um enredo na entrega para os clientes em potencial. O catálogo pode acompanhar alguns brindes ou até mesmo um projeto gráfico mais elaborado como jackts sobre o catálogo, cintas, calendários… Esse é um vasto campo de criatividade que bem alinhado com a estratégia de venda é extremamente efetivo.

Você tem um material incrível em mãos

Se todas as dicas forem seguidas, não há dúvidas de que você tem mais que um catálogo em mãos, você tem uma potente ferramenta de vendas e assim com muito empenho, em parceria com os melhores profissionais da área, um catálogo dos sonhos é criado.

Se chegou até aqui, que tal aproveitar e baixar nosso material? Ele foi criado exclusivamente para você que precisa enviar seu material para a gráfica e quer evitar erros.

O E-book é totalmente grátis e está repleto de informações básicas e necessárias.

Ebook Guia de Impressão
Ebook Guia de Impressão